linkedin
banner_light_blog
  • 15/10/14

    Já pensou que para usar melhor a energia que chega até a sua casa é importante conhecer um pouco mais sobre ela? A energia está em todo lugar e no dia a dia de toda a família, mas pode pesar no bolso quando não é usada de forma eficiente.

    Cada pessoa de uma casa tem papel importante na tarefa de economizar na conta de luz e as crianças podem ser grandes aliadas! Mostrar para os pequenos o caminho que a energia faz da subestação até a tomada pode ser divertido! E também que sem luz não dá para jogar vídeo game, usar o computador e até aquele banho quente pode virar uma fria.

    Além disso, quando entendemos mais sobre a energia evitamos o desperdício e também o furto de energia. Levar informação para as crianças é uma forma de criar adultos conscientes no futuro.

  • 1/09/14

    Todo mundo quer economizar na conta de luz, não é? E isso é mais rápido e fácil do que você imagina! Siga as nossas dicas e use aquele dinheirinho extra para uma viagem, um curso, um presente para quem você ama…

    Os computadores fazem parte da nossa rotina, em casa e no trabalho, mas deixar o monitor ligado o tempo todo… Nem pensar! Quando você não estiver usando, desligue e confira o resultado no final do mês!

    monitor do computador desligado

    Outra dica rápida e muito simples: só deixe o carregador na tomada quando ele estiver plugado no seu celular.

    carregador do celular na tomada

     

  • 15/08/14

    máquina de lavar

    Todo mundo sabe que usar energia sem consciência pode pesar no bolso no fim do mês. Mas com pequenas mudanças de hábito, sem sacrifícios, é possível economizar para sobrar o suficiente no seu orçamento para aquele curso que você tanto queria fazer, para um passeio diferente ou para muitas outras coisas legais.

    Para começar, não deixe eletrodomésticos em stand by, utilize o chuveiro elétrico na posição verão e troque suas lâmpadas convencionais por eficientes, que consomem até 75% menos.

  • 10/08/14

    Usar energia com inteligência é um papel que todo mundo pode fazer. É com essa mensagem que a campanha Por uma Conta Mais Light espera ajudar os moradores do Rio de Janeiro a consumirem sem abusar e, consequentemente, gastar menos com a conta de luz.

    Com uma abordagem educativa, a campanha estreita o diálogo com os consumidores para reforçar como bons hábitos podem gerar economia e mais oportunidades para gastar com o que se gosta. Durante três meses, peças publicitárias espalhadas pela cidade em diferentes mídias – como TV, rádio e publicações impressas e digitais, além de mobiliário urbano, ônibus e trens da Supervia –, em que os atores Marcius Melhem e Dira Paes darão dicas de consumo consciente para fazer a conta caber no bolso.

    Mas a campanha não se limita ao discurso: a Light também vai ganhar as ruas da Baixada e de várias comunidades para trocar 1 milhão de lâmpadas por outras mais eficientes, que consomem até 75% menos do que as convencionais. A ação reforça a estratégia da empresa no combate às perdas e à inadimplência, colocada em prática com iniciativas sociais e educativas como o Comunidade Eficiente, que já realizou mais de 373 mil visitas domiciliares, e o Light Recicla, programa de reciclagem de resíduos que já economizou mais de 14.800 MWh. Diminuindo o valor das contas de luz, diminuímos também o furto de energia, responsável pela conta dos clientes ser cerca de 17% mais cara no Rio.

    Então já sabe: acompanhe as dicas de economia nos nossos canais e deixe também a sua conta de luz mais light!

  • 23/01/14

    Nascido em 11 de fevereiro de 1847, na cidadezinha de Milan, estado americano de Ohio, Thomas Alva Edison é o responsável por uma das invenções mais brilhantes da história, Desde que acendeu a primeira lâmpada elétrica em 21 de outubro de 1879, se consagrou gênio e, ficou conhecido por muitos, como mágico.

    Thomas Edison tornou possível iluminar lares, ruas, cidades, todo um país e, enfim, o mundo inteiro. Até hoje, usufruímos do que ele nos proporcionou há quase um século e meio atrás.

    Quando morreu, em 18 de outubro de 1931, os Estados Unidos homenagearam o inventor apagando todas as luzes do país por um minuto e, até hoje, Thomas Edison é reconhecido como o cidadão mais útil da América e, quem sabe, do mundo.

    Com as novas tecnologias, a lâmpada incandescente inventada por Thomas Edison, foi aperfeiçoada. Lâmpadas modernas, como as fluorescentes, são mais eficientes e duram até dez vezes mais do que as incandescentes. Como um empresa do setor energético, a Light homenageia o homem que dedicou seu trabalho à iluminar vidas.

  • 4/06/13

    Ele chegou! O Relatório de Sustentabilidade 2012 já está no ar!! Recheado de informações, novidades, conquistas e desafios que a Light enfrentou no último ano.

    Visando reafirmar o compromisso da empresa com o desenvolvimento sustentável do Estado, o documento foi elaborado a partir das diretrizes do Global Reporting Initiative (GRI).

    Tudo para você ficar por dentro do que a Light anda fazendo por um Rio cada vez melhor!

    Acesse www.relatoriolight.com.br e confira!

  • 10/11/11

    Já pensou se o conjunto de semáforos da cidade reduzisse seu consumo energético em até 90 %? A Light, em parceria com a Secretaria Municipal de Transportes (SMTR), está transformando esta economia em realidade no Rio através do Projeto Sistema Semafórico da Cidade do Rio de Janeiro.

    O projeto está trocando as lâmpadas incandescentes dos semáforos do Rio por LED, tecnologia econômica, que tem um consumo energético cinco vezes menor. Enquanto uma lâmpada convencional utiliza de 55 a 100 watts, uma LED varia de 5 a 10 watts, segundo Roberto Espósito, diretor comercial da Soliton, empresa fornecedora da tecnologia. Além disso, o sistema gera também economia na manutenção, já que a vida útil de uma LED é de 100 mil horas, contra as 8 mil horas das lâmpadas incandescentes.

    Além de facilitar o trabalho da Companhia de Engenharia de Tráfego do Rio de Janeiro (CET-Rio), por reduzir a necessidade e os custos de manutenção, os novos semáforos trazem benefícios para os motoristas e pedestres, como a visibilidade. Como possui forte brilho e grande intensidade luminosa, é mais fácil perceber quando uma lâmpada LED acende ou apaga que uma incandescente, mesmo com obstáculos como reflexo do sol ou neblina. E se uma lâmpada queimar, não há risco de atrapalhar o trânsito, pois todas as outras do grupo de LEDs continuarão funcionando normalmente.

    O LED está se popularizando e, até o fim deste ano, cerca de 30 mil lâmpadas devem ser trocadas, o que equivale a 60% dos semáforos da cidade. Com a ajuda da Light, no fim do projeto, o Rio será  a cidade que mais usa LED no Brasil! Cláudia Secin, presidente da CET-Rio, encara a troca como uma grande melhoria urbana com vistas à Copa de 2014 e às Olimpíadas de 2016.

    Acesse sempre o Conexão Light para ficar por dentro das melhores novidades!

  • 18/10/11

    O Programa de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) da Light mantém uma linha exclusiva de atuação para criar produtos inovadores em eficiência energética. A parceria entre o P&D e o Programa de Eficiência Energética (PEE) da empresa é um dos temas da terceira edição da Saber, revista de pesquisa e desenvolvimento da  desenvolvida da Light.

    Um exemplo de sucesso dessa sinergia é o Kit Retrofitting de Refrigeradores, desenvolvido a partir de um projeto de P&D da Light. Já em fase de implantação, o kit foi desenvolvido com o objetivo de melhorar a eficiência de refrigeradores usados e é constituído de três peças: compressor, termostato e borracha.

    Segundo o responsável pela área de Eficiência Energética da Light, Antônio Raad, o PEE consegue viabilizar o uso de produtos inovadores desenvolvidos pelo P&D da companhia. “Depois de concluídos, os projetos não ficam no papel. Testamos as inovações em campo para checar viabilidade e eficiência. Nesse sentido, o PEE pode funcionar como um amplificador das ações de P&D, fomentando os resultados das pesquisas”.

    Leia a matéria completa no site e saiba mais como as inovações tecnológicas ajudam a Light a levar sempre o melhor serviço:

    http://www.light.com.br/web/ped/pdf/revista_light_03.pdf